Menu

The Blogging of Cook 094

harborage05's blog

Ferocidade Com Armas De Fogo Nos Estados unidos


Do Medicamento Ao Aperto De Mão


Estamos vivendo uma fase de crescente expansão dos tratamentos complementares ou “alternativos” ao tradicional uso do cloro nas piscinas, que vem acompanhada por “fórmulas milagrosas” de desinfecção da água. Corporações amadoras pregam o fim da manutenção do cloro residual livre e descartam processos interessantes pra saúde das pessoas que praticam atividades aquáticas. clique no seguinte site da internet as etapas de tratamento da água sejam feitas de forma correta e segura, é preciso que os profissionais e usuários estejam ligados e preparados tecnicamente.


O ozônio é o mais robusto agente oxidante famoso pra emprego comercial. É Mais Dicas que o cloro, além de apagar com mais facilidade vários microorganismos que o cloro (nas concentrações utilizadas em piscinas) não consegue, como é o caso da Giárdia ou do Cryptosporidium (causam diarréia etc). É tido hoje como o melhor tratamento de água, não só pra piscinas, todavia pra água de beber, apenas clique na página seguinte em estações municipais nos grandes centros em torno do mundo como Paris, Montreal, Tóquio, Los Angeles e diversos outros.


Sendo assim, nesse caso também terá de ser mantido o cloro residual no tanque, mantendo a “proteção” contra contaminações que possam transcorrer no tempo em que a água não passar outra vez no recurso de filtração e desinfecção. É respeitável notar que, nas piscinas tratadas com ozônio, mesmo com o cloro residual, corta-se inteiramente os desconfortos causados pelo cloro, como ardência nos olhos, pele e cabelos ressecados. Dificuldades como rinite ou alergias, não são potencializados em razão de, na verdade o real causador destes sintomas são as cloraminas, resultados da reação do cloro com a matéria orgânica (microorganismos, urina, suor, etc) presente na água.


Por esta razão, ao entrar numa piscina tratada acertadamente com ozônio, o banhista tem o sentimento de nadar em água de “cachoeira”, sem nenhum artefato químico. Muitas pessoas confundem ionização com ozonização, apesar de que sejam totalmente diferentes. mais aqui ionização, instala-se um equipamento elétrico, pela moradia de máquinas, com dois eletrodos (um de prata e outro de cobre) que serão utilizados como bactericida e algicida. É primordial notar que por este sistema não existe processo de oxidação da carga orgânica (excreções, peles mortas, suor, urina, etc), quer dizer, é preciso manter o cloro pra proporcionar a efetividade do tratamento. Quando utilizado corretamente, o ionizador reduz a aplicação periódica de algicida na água, pois o cobre que fica na piscina ataca as algas.


Entretanto, esse procedimento não corta as cloraminas, que causam os desconfortos ao banhista conforme citado no objeto anterior. A principal diferença entre a ionização e a ozonização está no fato de que a primeira não reduz as cloraminas da água e deixa metais residuais na piscina (cobre e prata). O ultravioleta (UV) vem sendo difundido por muitas poucas organizações no Brasil como uma solução para piscinas, onde dizem poder suprimir aproximadamente todo o cloro.


  • Algo parece piorar seus sintomas

  • 05/02/2010 - Cólicas conseguem ser endometriose

  • Aplicação de recursos ou de resina

  • Pimenta caiena

  • Raspas da laranja

  • Impeça os alimentos condimentados, prefira a toda a hora os naturais e integrais, ricos em fibras

  • Cidades e soluções

  • sete População e cultura



  • Esta informação não é correta e poderá pôr em traço a saúde dos banhistas que estiverem utilizando esta piscina. Nos principais documentos e notas técnicas mundiais sobre tratamento de água de piscinas, é a toda a hora explicitado de modo enfática que o UV precisa ser utilizado junto com um oxidante como ozônio ou cloro.


    Da mesma forma que o Ionizador, o UV é somente um bactericida e mata microorganismos. A urina, suor, excreções, pele morta e quaisquer matérias orgânicas presentes pela água não serão eliminados. Isso só é feito por um método de oxidação, como por exemplo, através do cloro ou ozônio. Assim como, se os microorganismos estiverem agrupados em colônias (o que é o mais comum) o UV eliminará só os que estiverem pela frente.


    veja isso , por tua vez, servirão de “escudo” pros que estiverem na porção de trás ou no meio do grupo e não tiverem contato com a luminosidade ultravioleta. encontrar mais de raro, é possível encontrar piscinas de emprego comercial, principalmente em pequenas academias, que não são tratadas de modo correta visto que seus proprietários buscam economia de custos pela diminuição do cloro.

Go Back

Comment

Blog Search

Comments

There are currently no blog comments.